1. Home
  2. E-mail Marketing
  3. Mensagens chegando como SPAM – Email Marketing

Mensagens chegando como SPAM – Email Marketing

Caso suas mensagens enviadas do Email Marketing sejam tagueadas como SPAM, é necessário verificar se o conteúdo esta seguindo as boas práticas de envio. Veja neste tutorial algumas dicas para evitar o tagueamento.

Como Funciona o Processo de Envio do Email Marketing

A taxa de entregabilidade do Email Marketing irá depender dos seguintes fatores: Reputação de sua conta, Lista e Quantidade de Denúncias.

Segue abaixo uma explicação sobre cada um deles:

Reputação da sua conta

A reputação de sua conta é levada em consideração por nosso sistema. Ou seja, se seus envios possui uma taxa alta de e-mails inválidos e bounces,
seu disparo terá uma reputação ruim. Isso faz com que as mensagens caiam na pasta Spam e aumente a taxa de erros de recebimento.

Lista

A lista é levada em consideração, quando se trata de contatos suspeitos. Ou seja, se possuir uma lista sem um cadastro ativo ou que esteja desatualizada,
seus contatos poderão ser identificados como ruins pelo nosso sistema. O que fará com que os disparos tenham uma reputação ruim.

Quantidade de Denúncias

As denúncias estão relacionadas ao envio de spam, não necessariamente na entrega a pasta Spam. Mas sim, no disparo de mensagens a contatos que não solicitaram.
Isso ocorre, quando o administrador do Email Marketing trabalha com listas compradas. O envio é realizado, entregue ao contato e o mesmo realiza a denúncia.

Devido a política RFC3463 e de Anti-Spam, não podemos informar os contatos que denunciaram e os contatos suspeitos, pois cabe ao proprietário da lista realizar o gerenciamento dos contatos e a atualização dos mesmos.
A estrutura filtrará os contatos de todos os envios, antes de dispará-los.

Essa filtragem irá retornar se há contatos Suspeitos (que provavelmente não fizeram opt-in em sua lista) e denúncias de spam, onde o próprio destinatário realiza essa denúncia.

Havendo contatos suspeitos e denúncias por parte dos destinatários, a reputação da sua mensagem vai ser baixa e com isso a chance da sua mensagem ser considerada SPAM ou ser recusada pelo destinatário será maior.

Melhorias para o Envio de Email Marketing – Listas
Por que não utilizar listas compradas?

Essas listas, apesar de possuírem milhares de endereços eletrônicos, boa parte dos servidores de e-mails condenam estes contatos. Portanto, apesar de dar mais trabalho e levar mais tempo, construa sua lista própria de e-mails.

Os e-mails que estão em uma lista comprada geralmente são os piores possíveis. Pessoas que têm seu endereço nessas listas muito provavelmente recebem e-mails de diversas outras empresas que também compraram endereços.

Além disso, geralmente essas listas têm muitos e-mails que não existem ou que foram desativados. Ao incluir esses e-mails na lista e fazer o envio,
os serviços de disparo disponíveis no mercado identificam o “erro” e interpretam como um sinal claro que a lista não é atual ou que não possui qualidade.

Resultado: Sua empresa vai para grupos de baixa reputação, e para os próximos disparos sua reputação estará baixa. Com isso, a chance de sua mensagem ser considerada SPAM ou ser recusada será maior.

Como criar um formulário de cadastro OPT-IN

Neste momento crie uma nova lista, exclusivamente para receber os contatos do formulário, disponibilize-o em seu site para que novos contatos façam o cadastro.

  • Para os contatos existentes nas listas atuais, cadastre um a um no formulário, desta forma estes contatos receberão o link de confirmação de cadastro e aqueles que realmente, desejarem receber suas mensagens, serão ativados nesta nova lista criada para o formulário.

Com esta ação todos os contatos suspeitos e/ou com denúncia de spam serão eliminados (caso o contato não confirme o cadastro através do link de confirmação) ou deixarão de ser considerados suspeitos e darão autorização para receber mensagens (caso o contato confirme o cadastro através do link e confirmação.

Desta forma sua lista será validada através do formulário Opt-in e seus envios voltarão a ter melhores resultados, mas lembre-se de enviar somente para esta lista com Opt in.

E como uma forma de Atualizar sua base de dados assim evitando que sua reputação de envio seja baixa e consequentemente seus contatos não visualizem sua mensagem, você poderá eliminar os contatos desativados, geralmente são contas de e-mail que não existem mais e o sistema de forma automática desativa, mas mantém na base de dados.

Envio de mensagens por lista segmentada

Um erro muito comum nas campanhas de Email Marketing é fazer o envio dos e-mails para toda a base de contatos sem nenhum tipo de segmentação. Parece ser um erro simples, mas acaba prejudicando bastante a eficiência das campanhas.

Assim, você tem um grande número de endereços eletrônicos recebendo suas mensagens, que muitas vezes não serão abertas. Por isso, o servidor pode entender que deve parar de entregar e-mails do seu IP.

Para poder ter melhor desempenho nas campanhas, o melhor é enviar os e-mails segmentados. Mandar o e-mail certo, para a pessoa certa e no momento certo é bem mais eficiente que apenas um e-mail genérico para toda a base.

E-mails que não têm nenhuma taxa de resposta por mais de 120 dias podem já ter se tornado uma armadilha (SpamTrap) e caso você envie e-mails para estes endereços, você pode sair prejudicado e prejudicar o servidor do Email Marketing,
conforme nossa política Anti Spam: Política Anti Spam.

Conteúdo da Mensagem
E-mail de remetente

Enviar e-mails com o final @hotmail.com, @gmail.com, etc, não é uma boa prática, pois os servidores de e-mails dos destinatários (como Gmail, Outlook e Hotmail) podem entender que a sua mensagem é falsa. Isso acontece porque, nesses casos, enviamos do nosso servidor (Locaweb) uma mensagem em nome de servidores como o Hotmail. É como se os clientes de e-mail recebessem uma ligação com DDD de São Paulo e a pessoa se identificasse como alguém do Rio de Janeiro.

Estes Provedores Gratuitos possuem uma das maiores demandas de endereços de e-mail, possuem filtros rigorosos onde se as politicas anti-spam não forem respeitadas, dependendo do conteúdo enviado como imagem, assinatura ou assunto da mensagem,
esta poderá será tagueada como Spam ou até mesmo ser recusada.

Nestes links são explicadas as diretrizes no Gmail: Diretrizes para remetentes em massa.

No caso de campanhas enviadas pelo Email Marketing da Locaweb, você sempre deve utilizar um e-mail com o final @seudomínio.com.br.

O Domínio dos links (responsável pelo funcionamento dos links e imagens na mensagem e tem como função na contabilização dos cliques que o destinatário realiza na imagem), já é uma configuração que você pode personalizar.
O padrão é o emailmarketing.locaweb.com.br, que está de acordo com as nossas configurações. Pedimos que não delete.

Para personalizar o domínio dos links, você terá que entrar na ZONA DNS do seu domínio e apontar um subdomínio para o Email Marketing. Ex: newsletter.seudomínio.com.br.

Entre na ZONA DNS e crie um registro do TIPO: CNAME, campo ENTRADA: (coloque o que desejar, ex: marketing, emailmkt, emailmarketing, newsletter, contato e etc) e no campo CONTEÚDO: emailmarketing.locaweb.com.br.

De acordo com o nosso tutorial: Configurar Domínio dos Links.

Ao realizar a configuração acima, acessar o Painel do Email Marketing e Realizar o Procedimento abaixo:

 

  • Acessar o Menu Configurações ;
  • Clicar na Opção de Configurar Domínio dos Links
  • Na caixa de Digitação inserir o nome da entrada criada na Zona de DNS mais o nome do seu domínio, ficando da seguinte forma, ex: emkt.seudominio.com.br. Lembrando que emkt foi a entrada que foi criada na zona de dns neste caso.
Fontes

Você pode utilizar de uma fonte mais trabalhada, apenas certifique-se que seja utilizada moderadamente e combinada com fontes mais simples e de preferencia sem serifa como a Arial ou Verdana, que são excelentes para os monitores.
Outra coisa a se levar em consideração é utilizar fonte de tamanho 22 ou 24 para o título, e, 12, 14 ou 16 para o corpo do e-mail. Quanto a quantidade de texto, uma pesquisa recentemente descobriu que 20 linhas de texto resultam em maiores taxas de ação.

Não utilizar ou utilizar mal as imagens

Você pode e deve utilizar imagens para tornar o e-mail mais atraente, a fim de que o leitor preste mais atenção à mensagem. Mas, é preciso tomar cuidado para não sobrecarregar o e-mail com muitas imagens.
Um estudo recente descobriu que os e-mails que tem cerca de três imagens ou menos resultam numa taxa de conversão maior do que aqueles com mais imagens.
Caso a imagem que vai ser enviada para sua lista de contatos, não seja feita em HTML puro, poderá inserir a mesma neste site Fatia imagem , neste site você consegue transformar sua imagem em HTML, assim você poderá reduzir a chance de sua mensagem cair no SPAM. Ou utilizar um dos nossos Templetes prontos que já possuem a estrutura em HTML.

Esquecer-se da chamada para ação – Call to Action

Você deve convidar a pessoa que lê o e-mail para realizar alguma ação de conversão: visitar o seu site ou blog, a sua página no Facebook e Twitter, ou até mesmo para baixar algum material.
Certifique-se de que todos os links funcionam e que a página de destino tem a mesma mensagem ou oferta que está no e-mail para o usuário não ficar confuso.

Assim como na regra das cores e das imagens, você deve tomar cuidado para não sobrecarregar o e-mail com links. O ideal é de 3 a 5 links por e-mail.

Cuidado com os símbolos “ç” e “~” e outras configurações

O português é a única língua que utiliza esses símbolos, e alguns serviços de email não os reconhecem, estragando a leitura do texto. Evite o seu uso, principalmente nos títulos do email marketing.

 

  • Limite o assunto cerca de 50 caracteres e sem CAIXA ALTA;
  • Evite usar demasiadamente termos como promoção, free, clique aqui, grátis, crédito, etc; Segue o Link ao lado das demais frases que devem ser evitadas: Palavras que devem ser evitadas no Email Marketing
  • Não exagere no uso de acentos gráficos ( !!!, ???, ?! );
  • Evite e-mails escritos com a cor Vermelha, brilhante ou Verde;
  • Codificação HTML desconfigurada (geralmente acontece na hora de converter um arquivo do Microsoft Word para HTML);
  • Criar um e-mail com apenas uma imagem grande, com pouco ou nenhum texto.
Uso do HTML

Use um template HTML ao invés de uma Imagem, a maioria dos principais serviços de email, como Hotmail, Yahoo, além do próprio Outlook, possuem um bloqueio padrão de segurança para exibição de qualquer formato de imagem que esteja em um email.

Você pode fazer uso da Imagem, mas nunca envie apenas uma imagem como corpo de email. Você pode tomar ainda outros cuidados como:

 

  • Fazer o email em formato HTML e distribuir o conteúdo entre texto e imagens;
  • Colocar links também nas imagens, (se elas não forem exibidas, ainda assim serão clicáveis);
  • Tamanho da imagem: evite imagens muito pesadas, elas irão demorar para carregar.
  • Se quiser destacar algo coloque em negrito ou sublinhe.

Nada de CSSs, DIVs, Styles e Javascripts, pois todos são bloqueados nos Webmails. O indicado a não utilização de códigos avançados como o CSS desenvolvido.
O motivo é simples: Cada client de Email nos diversos domínios interpreta o CSS de uma forma, ocasionalmente como se trata de um código avançado acaba ficando desconfigurado.

O ideal é utilizar HTML simples, e incluir um link de redirecionamento para este conteúdo onde o próprio navegador não terá dificuldades de interpretá-lo. Quanto mais simples o código, mais fácil será interpretado e aceito pelos diversos domínios.
Evite as tags: Body contendo caminhos de arquivos de som como Bgsound, conteúdo em Flash ou qualquer outro código diferente do HTML inserido, normalmente, dentro da tag object
e códigos com Metatags indicando que a ferramenta utilizada para gerá-lo foi o Microsoft Front-Page.

Você poderá seguir outras dicas do uso do HTML neste tutorial: Boas Práticas em HTML.

Envio da Mensagem
Testes de Envio

Sempre uma boa opção enviar um e-mail teste para contas próprias em diferentes provedores de e-mail, navegadores e sistemas operacionais, como por exemplo: Gmail, Hotmail, Yahoo, Outlook e etc.

Evite enviar os testes do Email Marketing para diversas pessoas da mesma empresa (o firewall da empresa poderá considerar spam);
A possibilidade de testarmos qual é o melhor dia e hora de enviar e-mails também é um fator que pode melhorar bastante as campanhas de e-mail marketing, e podem variar muito de público para público.

Você poderá enviar duas mensagens para diferentes destinatários, mas com o mesmo assunto e mensagem, por exemplo:

  • Na 1ª Mensagem poderá enviar para 50% dos seus contatos um e-mail as 7:00 na segunda feira
  • Na 2ª Mensagem poderá enviar para os outros 50% dos contatos um e-mail as 16:00 da segunda feira.

Nesse exemplo você poderá testar o melhor momento de enviar a sua campanha. Alguns fatores podem influenciar nesse ponto, pois pode ser que seu público tenha o hábito de ler e-mails quando chegam no seu escritório pela manhã, as 8:00,
nesse exemplo se seu e-mail tiver chegado a caixa de entrada do seu destinatário por volta das 7:00 horas você sairá na frente, pois seu e-mail será um dos primeiros na caixa de entrada, o que irá aumentar as chances de ser lido.
Mas pode acontecer de seu público ter um perfil diferente, por isso teste, teste e teste e descubra qual é o melhor dia e horário para seus envios.

Este Teste A/B poderá ser feito para verificar diversos fatores como: Melhor Horário de Envio, Melhor Assunto, E-mail de Remetente e etc.

Cronograma de Envio

Recentemente a Kissmetrics publicou um infográfico interessantíssimo (em inglês) reunindo alguns estudos sobre o assunto:

  • Das 6h às 10h manhã as pessoas gastam um tempo lendo e-mails, por isso a taxa de cliques e abertura é muito boa neste período;
  • Das 15h às 17h é comum uma queda no ritmo de trabalho e o e-mail costuma funcionar como distração;
  • No final do horário regular de trabalho, das 17h às 19h, costumam funcionar melhor os envios para empresas;
  • Já entre 19h e 22h o horário funciona muito bem nos envios para o consumidor final, usuário comum;

Um cronograma legal para se seguir é enviar uma mensagem por semana ou uma a cada quinze dias, contendo  ofertas, novidades, promoções e o  que mais interessa seu cliente.
De acordo com o segmento de cada ramo de negócios. Necessidades diferentes, frequências diferentes. Esse é o ponto.

Atualizado em 10 de julho de 2018

Este artigo foi útil ?

Artigos relacionados